Como dar uma grave notícia em relação à saúde de um paciente? Como passar as informações e instruções necessárias em um momento delicado? Como manter a humanidade e colocar-se à disposição do doente?

Quem lida com portadores de doenças graves certamente já pensou em todas essas questões. Há profissionais que preferem o distanciamento como forma de autoproteção, mas este não é o melhor caminho, pois pode, inclusive, levar ao burnout do profissional de saúde. Então, como comunicar uma má notícia da forma mais adequada?

Conteúdo programático:

  1. Resgate histórico de como eram os cuidados com a saúde até o século XIX e o relacionamento entre paciente e médico
  2. O pensamento de Francis Weld Peabody (1927) que já destacava que era preciso ir além da doença para cuidar do paciente
  3. O que é uma má notícia em saúde
  4. Pontos de atenção ao comunicar uma má notícia
  5. Perfis de quem comunica a má notícia
  6. Os protocolos de comunicação: Spikes, Girgis e Amen

Veja um trecho da videoaula acima.

Palestrante: Márcia Stephan, Psicóloga
Título da Videoaula: A comunicação de más notícias e Humanidades.
Tempo de duração: 45 minutos
Idioma: Português
Legenda: Português – Brasil
Período da locação: 1 semana

 

Currículo da Videoaula

Videoaula Comunicação de más notícias e humanidades 00:45:00
27 ALUNOS INSCRITOS
Mini Cart 0

Seu carrinho está vazio.

X